Hoje em dia, muitos homens deixaram de aceitar a calvície como algo irreversível, e estão buscando soluções para este tipo de condição. Se você também sofre com a calvície, que tal saber mais sobre este assunto para que, enfim, possa buscar um tratamento, e ainda de forma natural?

A queda de cabelo é conhecida cientificamente como alopécia androgênica. Alopécia quer dizer queda de cabelo, androgênica refere-se à participação do hormônio masculino no processo da calvície.

A perda de cabelo é mais frequente em homens, mas muitas mulheres também apresentam quadros de perda definitiva dos fios, porém, por causas diferentes, tais como uso de muito secador ou produtos químicos no cabelo, stress e doenças associadas.

Nas mulheres, a calvície é mais distribuída e menos intensa, geralmente no centro e no ápice da cabeça, sendo rara a calvície completa.

É normal haver queda de fios diariamente e o número aceitável é de 100 fios por dia, sendo que em determinadas épocas da vida esse número pode ser maior ainda, dependendo de fatores climáticos ou uso de medicamentos, por exemplo.

O CICLO DE VIDA DO CABELO

Tanto os cabelos quanto os pelos possuem uma estrutura cilíndrica feita de proteínas, sendo que a queratina é a principal delas. Tais estruturas nascem dentro dos folículos pilosos, que se localizam na camada mais profunda da pele, a derme.

Os pelos possuem diferentes velocidades de crescimento em nosso corpo e podem ser mais grossos ou mais finos dependendo do local. No couro cabeludo, os pelos são chamados de cabelos, e é aqui onde se apresentam em maior quantidade. Para você ter uma ideia, nossa cabeça possui uma média de 100.000 fios e eles crescem entre 1 e 2 cm em um mês, aproximadamente.

Cada fio de cabelo pode estar em uma fase diferente de crescimento, na figura 1 vamos conhecer cada uma dessas etapas:

2-calvice-causas-tratamento-natural

(Figura 1 – Ciclo de crescimento do cabelo)

1- Anágena ou fase de crescimento do cabelo. Dura entre 2 e 3 anos em média, mas pode durar até 7 anos.

2- Catágena ou fase de involução. Dura em média entre duas e três semanas. Durante esta etapa, o cabelo tem seu crescimento estacionado e o folículo começa a regredir.

3- Telógena ou fase de desprendimento. Dura de 3 a 4 meses. O cabelo se desprende da papila e cai naturalmente, em seguida ocorre o início de uma nova fase de crescimento.

Dos nossos 100.000 fios de cabelo, calcula-se que 85% deles estejam na fase de crescimento, 5% na fase de involução e 10% na fase de queda.

Como você pode ver na figura 1, no reinício da fase anágena, quando um novo cabelo vai crescendo, o antigo é pressionado para fora do folículo piloso e se desprende do couro cabeludo. Esse ciclo acontece com todos os nossos pelos do corpo, em velocidades variadas. Por isso muitas pessoas que querem deixar os cabelos crescerem bastante acabam não conseguindo, mesmo que nunca cortem, pois os fios se soltam do couro cabeludo em uma determinada fase do seu ciclo de vida.

MAS QUAL É A CAUSA DA CALVÍCIE?

A alopécia androgênica, ou calvície, é causada devido a um encurtamento da fase anágena do cabelo, onde há um afinamento contínuo do fio e diminuição do tamanho dos folículos, isso faz com que a raiz do fio fique cada vez mais perto da superfície do couro cabeludo, perdendo força.

Essa diminuição do tamanho do folículo pode acontecer por fatores hereditários relacionados à produção descontrolada e excessiva de uma enzima, a 5 alfa-redutase, que possui a capacidade de transformar o hormônio masculino testosterona no seu derivado dihidrotestosterona (DHT).

A dihidrotestosterona se une a alguns receptores existentes em alguns folículos pilosos, provocando enfim a diminuição do seu tamanho. Sendo assim, a calvície acontece em homens com altos níveis de dihidrotestosterona e que possuem muitos folículos com receptores para o DHT.

As variadas distribuições dos receptores de DHT entre os homens explica porque a calvície se desenvolve de diferentes maneiras. Veja os padrões mais frequentes na figura 2, logo abaixo:

3-calvice-causas-tratamento-natural

(Figura 2 – padrões mais comuns de calvície)

TRATAMENTO NATURAL CONTRA A CALVÍCIE  ( e como prevenção a problemas na próstata) –  ÓLEO DE SEMENTE DE ABÓBORA!

4-calvice-causas-tratamento-natural

Pesquisas já constataram que o excesso de produção de DHT (hormônio diidrotestosterona) está associado tanto à calvície masculina quanto ao aumento da próstata, sabia?

A boa notícia é que o óleo de semente de abóbora já se mostrou um excelente agente contra o DHT. Isso porque o  beta sitosterol, delta 7 esterina e compostos do óleo de semente de abóbora reduzem o efeito do DHT nas células da próstata, e também podem ajudar a prevenir que ele tenha um efeito negativo sobre seus folículos pilosos.

Devido a suas propriedades de bloqueio de DHT, há profissionais que indicam a aplicação do óleo de semente de abóbora diretamente sobre o couro cabeludo, mas se você não é muito adepto de usar máscaras capilares, a ingestão do óleo de semente de abóbora em cápsulas pode ser muito mais prática!

Mas atenção, o óleo de semente de abóbora, assim como todo óleo vegetal, para que possa ser verdadeiramente aproveitado para a saúde, deve ser extraído por prensagem a frio!

Então, agora você está ciente sobre como a calvície ocorre e a forma natural de combatê-la. O óleo de semente de abóbora realmente é um aliado para a boa saúde masculina, tanto para combater a calvície quanto para promover a prevenção de doenças da próstata!

Se achar que estas informações podem ser úteis para outros homens, compartilhe!

Informação é Vital 😉

Óleo de Semente de Abóbora e seus inúmeros benefícios para a saúde

Prepare-se para saber mais sobre este Poderoso Óleo, que é mais do que um simples alimento. Um nutriente da natureza que pode mudar sua vida!

Baixe gratuitamente o e-book: Óleo de Semente de Abóbora e seus inúmeros benefícios para a saúde

Baixe nosso E-book grátis