Você é aquela pessoa que só vai ao dentista quando sente dor? O ideal é fazer visitas regulares a este profissional, pois a saúde dos dentes é de fundamental importância.

Além de curar problemas bucais como cáries, gengivite, má oclusão e outros, o dentista ainda faz a profilaxia bucal, o que ajuda na manutenção da saúde dos dentes.

Mas o que muita gente não sabe é que a boa saúde dos dentes também pode vir de suplementos fáceis de consumir e de alguns alimentos. Eles nos fornecem nutrientes que fazem a remineralização, dos dentes, que é a reconstituição dos minerais perdidos pelo organismo.

Trata-se de um processo muito eficaz que seu corpo faz naturalmente para manter os dentes saudáveis e fortes. E, assim como qualquer outro processo em seu corpo, ele precisa da nutrição correta para funcionar sem problemas.

Conheça agora os seis principais suplementos que vão deixar seus dentes mais fortes e saudáveis!

Top 6 substâncias que ajudam a remineralizar os dentes

conheca-seis-substancias-que-vao-manter-seus-dentes-fortes-e-saudaveis

1 – Vitamina D3

A vitamina D3 é um dos nutrientes mais importantes para a saúde em geral. Apesar do nome, a vitamina D3 é um hormônio, e existem receptores para a ela em todos os tecidos e órgãos do corpo.

De acordo com estudos da Universidade do Tennessee, quando se trata de remineralização dos dentes, esta gordura solúvel é necessária para absorver adequadamente o cálcio e equilibrar os minerais em todo o corpo.

Estes dois processos são críticos para a formação e reparação dos ossos e dentes.

Saiba mais sobre os benefícios da Vitamina D3 para o organismo

2 – Cálcio

Segundo estudos do “Dental Institute”, em Londres (Reino Unido), o cálcio é o principal bloco de construção de nossos ossos e dentes, e também para a remineralização adequada deles.

Mas atenção! Para que o cálcio seja absorvido pelo organismo com eficácia é preciso uma combinação certa de minerais, especificamente as vitaminas D3 e a K2.

3 – Vitamina K2

conheca-seis-substancias-que-vao-manter-seus-dentes-fortes-e-saudaveis-1

É sempre recomendável que os níveis de vitamina D3 e K2 estejam adequados em nosso organismo. Isso porque eles trabalham sinergicamente para melhorar a absorção e distribuição de cálcio.

A vitamina D3 é responsável pela melhor absorção de cálcio, enquanto a vitamina K2 funciona como “um sinal de trânsito” direcionando o cálcio para os locais certos do corpo.

Além disso, a vitamina K2 é necessária para ativar uma proteína de reparo e crescimento dos dentes. Ela também trabalha com a proteína GLA-matriz para ajudar a na remineralização.  

Essas foram as conclusões de estudos do Instituto Metropolitano de Gerontologia de Tóquio.

4 – Magnésio

Quando se trata de remineralização dos dentes, o magnésio é necessário para o desenvolvimento estrutural deles, ao mesmo tempo que determina a eficácia com que o seu corpo absorve o cálcio.

O problema é que ter muito cálcio no organismo, bem como vitamina D3 e fósforo, pode reduzir os níveis de magnésio, o que pode dificultar o processo de remineralização dos dentes.

Resumindo: é importante complementar esses nutrientes em quantidades equilibradas.

5 – Colágeno

conheca-seis-substancias-que-vao-manter-seus-dentes-fortes-e-saudaveis-5

Ao longo da vida os dentes estão constantemente sendo desgastados, mas, através da remineralização, eles também estão sendo constantemente reconstruídos.

Seus dentes são feitos de diferentes partes: esmalte, dentina, cemento e osso, que possuem componentes orgânicos e inorgânicos.

O colágeno é uma parte importante dos aspectos orgânicos dos seus dentes. Ele representa 90% dos componentes orgânicos de dentina, cemento e osso.

O colágeno é encontrado principalmente em produtos de origem animal, especialmente tecidos conjuntivos e carnes de órgãos, que não comemos muito mais. Isso faz com que a suplementação de colágeno seja uma boa ideia.

6 – Probióticos orais

Estudos do “Dental College e Hospital, Mangalore em Karnataka, Índia, descobriram que pessoas com componentes inorgânicos mais altos na saliva (incluindo o fosfato de cálcio) e com um pH mais ácido, têm maior risco de desenvolver doenças nas gengivas.

Os probióticos aumentam os compostos orgânicos da boca e da saliva, combatendo os efeitos dos compostos inorgânicos.

Além disso, segundo pesquisadores estudos da “Malmö University”, na Suécia,  eles podem melhorar a respiração, reduzir os sintomas da gengivite, diminuir a inflamação e até possivelmente prevenir o câncer bucal.

Se você gostou desse conteúdo repasse-o para sua família e amigos, afinal compartilhar saúde é Vital!

Referências:
ncbi.nlm.nih.gov
draxe.com
Como escolher um bom ômega?

A grande missão da Vital Âtman é promover a saúde

Baixe gratuitamente o e-book: Como escolher um bom ômega?

Baixe nosso E-book grátis