Os fungos estão por toda parte e é inevitável a exposição a eles. Por isso, todo mundo está sujeito a, pelo menos uma vez na vida, contrair uma micose, isto é, uma infecção por fungos. Afinal, tudo o que esses organismos precisam para se reproduzir são ambientes com umidade e calor.

Os fungos podem causar vários tipos de infecções no corpo humano. Uma das micoses mais comuns é a frieira, que atinge a pele entre os dedos e também pode ser acompanhada de uma infecção bacteriana. As micoses nas unhas, conhecidas como onicomicose, também são muito frequentes, atingindo principalmente as unhas dos pés.

A candidíase é outra doença muito comum ocasionada por fungos. Conhecida por causar irritação, muita coceira e manchas brancas, a candidíase pode atingir a pele do corpo todo, principalmente a boca (infecção conhecida como sapinho) e a região íntima.

Alimentos que podem ajudar na prevenção de micoses

Alguns alimentos podem ajudar na prevenção de micoses e na proliferação dos fungos. O óleo de orégano e o óleo de coco são dois aliados.

Alguns estudos têm comprovado que o óleo de orégano pode auxiliar a inibir a proliferação de fungos como o Candida albicans, responsável pela candidíase. O orégano também pode ajudar a prevenir a proliferação de micro-organismos indesejáveis que causam incômodo intestinal, prisão de ventre e dores abdominais.

Já o óleo de coco também possui propriedades biológicas que ajudam a destruir fungos e leveduras causadores de micoses, candidíase e aftas, além de auxiliar a inibir parasitas que podem causar infecções intestinais, como giardíase.

Vem aí!

Se você ficou interessado no poder antifúngico do óleo de coco e do óleo de orégano, aguarde! A Vital Âtman está desenvolvendo um novo produto!